Skip to main content
Prefeitura de Olinda

VEREADORA COMUNISTA SOLTA O VERBO E DÁ LIÇÃO DE MORAL NOS COLEGAS

Irritada com a subserviência e hipocrisia que impera entre a maioria dos seus pares na Câmara Municipal de Olinda, a vereadora Dete Silva (PCdoB) soltou o verbo e deu uma verdadeira lição de moral (e de política) nos colegas de parlamento.

O desabafo aconteceu durante a 14ª sessão ordinária, realizada semana passada. A comunista falou o óbvio – sobre o papel fiscalizador e independência que devem nortear a atuação parlamentar – mas que, aparentemente, não é o que ocorre em Olinda, onde a “manada legislativa” não ousa questionar a gestão do prefeito Professor Lupércio.

“Fomos eleitos para fiscalizar a gestão. Se todo mundo ficar dizendo que está tudo bem em Olinda, não precisa ter vereador. Alguém tem que falar dos problemas, indicar o que está errado e o que é preciso fazer. Isto não quer dizer que a gente é oposição ao prefeito ou quer mal à gestão. A gente tá aqui pra auxiliar, ajudar Lupércio a trabalhar, dizer o que a população precisa”, ensinou.

BOICOTE – Ligada aos movimentos de luta por moradia, Dete estaria sofrendo boicote em projetos de sua iniciativa que beneficiem este público-alvo. “Aqui tem uns cinco que falam igual a mim, mas só eu sou atacada. Tem 16 aliados e uma que está aqui pra cobrar pelo povo”, afirmou.

É. Não é fácil ser “independente” em Olinda. Pelo visto, a novata vereadora Dete Silva já começou a sentir o fogo da “fritura” promovida pelos próprios colegas, imbuídos de “queimar” qualquer um que ouse buscar algum tipo de protagonismo no mundinho político da Marim dos Caetés.

QUER SABER TUDO SOBRE OLINDA PRIMEIRO??? – Curta nossa página no Facebook. Siga nos no Instagram e participe do grupo no ZAP.

https://www.facebook.com/observatoriodeolinda Facebook

https://www.instagram.com/observatoriodeolinda/ Instagram

https://chat.whatsapp.com/DwrQyyqBxJAAfBJ5kcGJ1n WhatsApp

https://www.youtube.com/channel/UCRiaMDDQmUXI-YJqzkl1VWw Youtube

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: