Skip to main content
Prefeitura de Olinda

PAULO CÂMARA DESAGRADA GREGOS, TROIANOS E PERNAMBUCANOS NA “CRISE DO PROTESTO”

Em meio à crise que tomou “forma ascendente” hoje (29), após os protestos organizados por partidos de esquerda, no Recife, o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), se pronunciou, horas depois do fato, e conseguiu desagradar todo mundo.

Partidos, manifestantes e entidades que participaram do movimento emitiram notas ou publicaram vídeos nas redes sociais chamando o governo do socialista de “fascista” e apoiadores da ação da Polícia Militar também não gostaram da forma como ele jogou a responsabilidade pelo ocorrido exclusivamente no colo do oficial que comandou a operação.

A OAB, a Câmara de Vereadores do Recife, a Força Sindical e uma gama de políticos reprovaram a ação da polícia. “Autoritarismo, violência e negligência do Governo de Pernambuco marcaram o encerramento do ato pacífico #forabolsonaro. O governo precisa responder pela truculência da ação de hoje no Recife“, escreveram, em nota conjunta, a vereadora do Recife, Dani Portela, e as codeputadas Juntas, do PSOL.

O vereador do Recife e presidente da Força Sindical, Rinaldo Jr, também se posicionou. “Repudiamos com veemência as agressões da Polícia Militar de Pernambuco aos trabalhadores e trabalhadoras, aos movimentos sociais e à colega vereadora Liana Cirne que participavam de um ato pacífico e democrático hoje no centro do Recife. Que sejam feitas as apurações e que os responsáveis sejam punidos com o maior rigor da Lei”, afirmou o parlamentar.

BUCHA DE CANHÃO – Do outro lado da história, a repercussão do afastamento do oficial que comandou a operação deixou o clima pesado entre os policiais, que estão se sentindo como “bucha de canhão” no episódio, já que eles teriam agido justamente para defender o perímetro do Palácio do Campo das Princesas das “ações violentas e abusivas” dos manifestantes que se aproximavam da sede do governo.

“É sempre assim. Eles (políticos) fazem as m#@%&s e sobra pro soldado. Já pensou se a gente deixa a turba passar e eles invadem o palácio e quebram tudo por lá? A culpa também seria da PM. Esse governadorzinho fraco e sem moral não tem autoridade nem pra vice-governadora, que criticou a suposta falta de comando dele, que deveria ser comandante em chefe da Polícia Militar. Isso não pegou nada bem dentro da tropa. E vai ter repercussão”, comentou um oficial superior, em off.

Bronca, né governador???

QUER SABER TUDO SOBRE OLINDA PRIMEIRO??? – Curta nossa página no Facebook. Siga nos no Instagram e participe do grupo no ZAP.

https://www.facebook.com/observatoriodeolinda Facebook

https://www.instagram.com/observatoriodeolinda/ Instagram

https://chat.whatsapp.com/DwrQyyqBxJAAfBJ5kcGJ1n WhatsApp

https://www.youtube.com/channel/UCRiaMDDQmUXI-YJqzkl1VWw Youtube

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: