Skip to main content
Prefeitura de Olinda

NAS PRAIAS DE OLINDA NINGUÉM RESPEITA O DECRETO DE PAULO CÂMARA

Futebol, vôlei, treinamento funcional, entre outras atividades físicas de caráter coletivo, proibidas pelo decreto do governador Paulo Câmara nas praias do estado de Pernambuco, continuam acontecendo “normalmente” nas areias de Olinda, em flagrante desrespeito às determinações do Governo do Estado.

Os jogos e aglomerações generalizadas – há também grupos de idosos que se reúnem nos bancos do calçadão para bater papo, sem máscaras e com muitos abraços e apertos de mão – podem ser vistos a qualquer hora do dia ou da noite, como mostra a nossa foto principal, produzida agora pela manhã, na Praia do Bairro Novo (Antigo Quartel da PE).

Opiniões se dividem quando é questionada a eficiência, ou não, das medidas impostas pelo Governo do Estado na tentativa de conter o avanço da pandemia do Novo Coronavírus, em Pernambuco.

ÔNIBUS – “Futebol profissional nos estádios, onde rola muito dinheiro, pode. Por que a pelada na praia não pode? O vírus não sobrevive aqui, mas está dentro dos ônibus e trens do metrô lotados”, disse Mário Juvêncio, que há mais de 30 anos bate sua bolinha com amigos nas areias da Praia de Zé Pequeno.

Mas para a manicure Marisa Pinheiro, que perdeu um jovem amigo, de 38 anos, para a Covid-19; as medidas deveriam ser respeitadas. “Não é porque o transporte público é um caos que a gente deve promover ainda mais aglomerações em outros locais. As autoridades tomam decisões baseadas na ciência. Cabe a nós obedecer”, analisou.

QUER SABER TUDO SOBRE OLINDA PRIMEIRO??? – Curta nossa página no Facebook. Siga nos no Instagram e participe do grupo no ZAP.

https://www.facebook.com/observatoriodeolinda Facebook

https://www.instagram.com/observatoriodeolinda/ Instagram

https://chat.whatsapp.com/DwrQyyqBxJAAfBJ5kcGJ1n WhatsApp

https://www.youtube.com/channel/UCRiaMDDQmUXI-YJqzkl1VWw Youtube

One thought to “NAS PRAIAS DE OLINDA NINGUÉM RESPEITA O DECRETO DE PAULO CÂMARA”

  1. Se é pra fazer um decreto q seja bem feito que pare tudo,mais tudo mesmo! Principalmente os ônibus q rolam o din todo pra cima e pra baixo com aglomerações inclusive sem máscaras.eu q ganho um salário mínimo tenho q ficar em casa arriscado a perde meu emprego e passar fome já os jogadores q ganham milhares estão aí trabalhando.acho q precisam rever isso e da a sentenciia de paralização pra todos.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: