Skip to main content

OLINDA: MULHER MORRE DE “ENFARTO” E FAMÍLIA SUSPEITA DE CORONAVÍRUS

Uma mulher de 42 anos, moradora de Jardim Atlântico, faleceu, ontem (30), oficialmente vítima de enfarto. Familiares e amigos, porém, acham que a verdadeira causa da morte foi infecção por Coronavírus. Caso se confirme, esta seria a primeira morte por Covid-19, em Olinda.

Desde o início de março ela estava tratando o que acreditava ser uma pneumonia. Há 15 dias a situação se agravou e a vítima começou a apresentar os sintomas da Covid-19, após ter tido contato com uma pessoa que havia voltado da Itália – um dos países mais afetados pela pandemia.

“A morte dela chocou todo mundo, porque era uma pessoa nova e saudável. Como é que em 15 dias adoece e morre de enfarto? A gente acha que foi Coronavírus. O problema cardíaco pode até ter acontecido, mas em consequência do vírus, como  comorbidade, junto com a pneumonia”, avaliou uma amiga.

MANIPULAÇÃO – De acordo com a fonte do Observatório, parte da família defende a investigação sobre a causa real da morte a fim de que os números sobre a doença no estado não sejam manipulados.

As suspeitas de infecção por Coronavírus aumentam quando se observa as redes sociais da vítima (foto). Há várias mensagens de apelo sobre a gravidade do Covid-19, publicadas nos últimos dez dias. “Ela sabia”, lamentou a amiga.

A vítima era casada e tinha dois filhos adolescentes; um menino e uma menina, que estava prestes a completar 15 anos. “Já estavam preparando a festa da menina. Triste demais”, disse.

E finalizou: “É preciso dizer a verdade. Muita gente só vai começar a acreditar quando, infelizmente, estes casos forem divulgados. As pessoas assintomáticas estão aí pelas ruas, transmitindo a doença, espalhando o vírus e a morte”, defendeu.

SIGA-NOS E SAIBA TUDO PRIMEIRO – Curta nossa página oficial no Facebook. Siga no Instagram. Participe do grupo no ZAP.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: