Skip to main content
Prefeitura de Olinda

EUFRÁSIO BARBOSA FINALMENTE SERÁ REABERTO AO PÚBLICO

Após quatro anos em obras – que pareciam intermináveis – o Mercado Eufrásio Barbosa finalmente será reaberto ao público amanhã (05). Abandonado pela administração do ex-prefeito Renildo Calheiros (PCdoB), o prédio histórico foi interditado em 2014, após constatada a ameaça de o telhado desabar. Sem recursos para a obra de restauração, a atual administração da Prefeitura de Olinda firmou convênio com o Governo de Pernambuco para que o estado investisse R$ 20 milhões na reforma e passe a gerir e explorar economicamente o equipamento.

O espaço tem 6 mil m² e está situado no Largo do Varadouro. Com a reforma foram abertos novos boxes de artesanato, lanchonetes, restaurantes, barracas de feira e banheiros. “Além de reaquecer a economia, o local volta a ser mais uma opção de cultura e lazer da cidade, com área para apresentações artísticas, exposições permanentes e itinerantes”, diz nota enviada pela prefeitura.

O Teatro Fernando Santa Cruz também foi contemplado com novo sistema de som, iluminação e rampa de acessibilidade. Nos próximos 30 dias o local vai acomodar exposição de quadros do artista plástico Bajado. O recurso investido na reforma é do Programa Nacional de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur).

FÁBRICA DE DOCES – Com construção datada dos séculos XVII e XVIII, onde existia a primeira Casa da Alfândega de Pernambuco, o local foi, entre 1894 e 1960, a Fábrica de Doces Amorim Ltda. Com planta retangular, em plano único e alvenaria de tijolos, as fachadas são todas rebocadas, sendo a principal com aberturas em arcos plenos e platibanda retangular. Apesar de o prédio original ter passado por algumas reformas, o monumento continua preservado e faz parte da riqueza do conjunto arquitetônico da Cidade Patrimônio Cultural da Humanidade.

One thought to “EUFRÁSIO BARBOSA FINALMENTE SERÁ REABERTO AO PÚBLICO”

  1. Finalmente um dos principais cartões postais de Olinda será reinaugurado. Ganha não só a cultura local – assim como – toda a sociedade. Resta saber se esta reforma incluirá também um plano de manutenção permanente.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: