Skip to main content

VIOLÊNCIA DEMOCRÁTICA: DESEMBARGADOR ASSALTADO NA PRAIA

Foi-se o tempo em que era possível “setorizar” as áreas de violência e mantê-las sob um pseudo controle. Ela estava nas favelas, nos bairros periféricos, enfim, nos bolsões de pobreza. Mas a desigualdade social, a falência moral e econômica, e o consequente esfacelamento do estado brasileiro promoveu o fenômeno da “democratização” da criminalidade nossa de cada dia. Não escapa mais ninguém. Seja rico ou seja pobre; da favela ou dos luxuosos apartamentos da beira-mar. Assaltos, estupros, assassinatos estão aí para todos.

A colunista social da Folha de Pernambuco, Roberta Jungmann, em seu site Acontece, nos informa que o desembargador Jovaldo Nunes, ex-presidente do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) e do Tribunal Regional Eleitoral foi abordado por assaltantes às 8h da manhã de ontem (28) enquanto caminhava na orla de Olinda ao lado do amigo Gildo Dantas, superintendente da Alepeprev (sistema de previdência social da Assembleia Legislativa).

Duas motos (atenção polícia!!! Todos os assaltos são praticados por motoqueiros) com quatro homens praticaram o crime sob ameaça de armas de fogo e levaram todos os pertences das vítimas, inclusive os cordões de ouro.


Ao final da matéria ela faz a pergunta que está inquietando a todos nós: – Dá para viver assim?

Um comentário em “VIOLÊNCIA DEMOCRÁTICA: DESEMBARGADOR ASSALTADO NA PRAIA

  1. Não podemos esperar bons frutos de uma árvore que dá maus frutos não meu amigo. Peçamos a Deus todos os dias que nos livre do mal e fiquemos alertas porque os dias são maus. Agora exite tratamento? Sim, é só procurar, muito fácil; difícil e dura é a cabeça de muitos que não querem ter o trabalho de arregaçar as mangas e ganhar o pão de cada dia com o suor do seu rosto, preferem a facilidade do crime. Chega de violência!

Deixe uma resposta