Skip to main content

PREFEITURA COMBATE SOM ALTO NA PRAIA

A Prefeitura de Olinda finalmente resolveu ouvir o clamor dos moradores e frequentadores das praias da cidade e voltou a fiscalizar o questão da poluição sonora. Na última segunda-feira (27) agentes da Secretaria de Meio Ambiente promoveram uma ação educativa para tentar sensibilizar os barraqueiros da orla de Casa Caiada em relação ao problema, que tem infernizado a vida dos moradores desde o início da manhã até o começo da noite, principalmente nos finais de semana.

O balanço da operação foi a notificação de oito comerciantes, que foram orientados a não descumprirem a legislação municipal. De acordo com o secretário André Botelho os ambulantes e donos de bares foram inicialmente abordados de forma educativa, mas a fiscalização vai continuar e eles poderão ser punidos se não cumprirem a orientação. É o que a população espera.

LIXO SONORO – O termo poluição sonora é duplamente adequado para a situação já que além do volume nas alturas o tipo de “música” tocado nas palhoças também é um verdadeiro lixo. “Não se pode nem chamar aquilo de música. E parece que quanto pior a qualidade mais alto o som. A partir das 6h da manhã todo mundo é obrigado a acordar com as porcarias que eles tocam”, reclama a aposentada Jacineide Lemos, que mesmo morando no 14º andar de um prédio da beira-mar sofre com o barulho.

A prefeitura diz que criou um Comitê Gestor da Orla para traçar medidas de reordenamento com representantes de diversas secretarias do município, barraqueiros, moradores, ambulantes, Corpo de Bombeiros e Polícia Militar. Mas o que o povo quer mesmo é solução e o direito a ter sossego dentro da própria casa.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto:

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/observatoriodeol/public_html/wp-includes/functions.php on line 4609