Skip to main content
Observatório de Olinda

IRRESPONSABILIDADE CRIMINOSA DE PAULO CÂMARA COM PERNAMBUCO

PEDRO TINÔCO*

Convidados a participar de uma reunião com o futuro ministro da Fazenda do Governo Bolsonaro, o economista Paulo Guedes, hoje (14), em Brasília, oito dos nove governadores do Nordeste – incluindo Paulo Câmara, que está em gozo de férias na Europa – estarão ausentes do encontro.

A atitude revela a irresponsabilidade e a falta de compromisso com a população mais pobre, uma vez que todo mundo sabe da dependência econômica dos estados com a União, que concentra a maior parte dos recursos arrecadados através de impostos no País.

A “rebeldia” mostra também o quanto os governadores nordestinos estão de fato contaminados pelo tão falado “viés ideológico”, não se importando nem um pouco com as consequências negativas que poderão advir da ação irresponsável. Alguém, por favor, avise a esse povo que não há 3º turno no Brasil e a eleição acabou no dia 27 de outubro.

RESISTÊNCIA BURRA – A ausência é sim um péssimo começo para a relação com o futuro governo. E só quem tem a perder é o próprio Nordeste. Ser “resistência” agora é ignorância e burrice. O Governo Federal não precisa do Nordeste para governar. Mas o contrário não é verdadeiro.


O governador Paulo Câmara, portanto, age de maneira reprovável. Como, aliás, tem sido todas as suas ações pós-eleições, quando extinguiu a Delegacia de Crimes contra a Administração e Serviços Públicos (Decasp) e aumentou impostos da cesta básica para cumprir eleitoreira a promessa de pagar 13º salário para Bolsa Família.

Reeleito na “margem de erro”, o governador de Pernambuco está se saindo um demagogo da pior espécie. Mas este é o preço que se paga quando a população não sabe votar. Nem exigir respeito de seus governantes.

PS. Todos os demais governadores do Brasil confirmaram presença no encontro.

* Editor do Observatório de Olinda

4 comentários em “IRRESPONSABILIDADE CRIMINOSA DE PAULO CÂMARA COM PERNAMBUCO

  1. Esse governador foi uma escolha infeliz dos pernambucanos, sua reeleição foi muito ruim para o estado de Pernambuco. Tínhamos um candidato bom, ligado aos interesses do bem do povo, desvinculado com essa esquerda que afundou o Brasil? Não, mas o senhor Paulo Câmara era a pior opção dentre os ruins. Nosso país vai ser guiado para o caminho certo, do bem, sem negociatas, e o Nordeste NÃO está em sintonia como deveria ser. Há alguns fatos a serem esclarecidos e nos resta torcer para que o MELHOR para Pernambuco venha como resultado final, é só o que temos a fazer.

  2. Espero que o povo se conscientize e liquide a carreira política desse cidadão. Se depender de mim, não ganhará mais nada, apesar de eu já ter votado nele.

  3. Pernambuco não poderá ficar de FORA dos PROJETOS aprovados na próxima gestão do presidente eleito. O nosso Estado também pertence ao Brasil e se Deus quiser voltará a crescer para honra e glória do Senhor. Viva o Brasil, viva a terra dos altos coqueiros….

    1. Eu não sei se é rebeldia ou estupidez, ou as duas coisas juntas.
      Mas uma coisa e certa o choro e ranger de dentes não tardará!!
      Só um rolo insuste em apoiar o bloco dos corruptos e lanceiros do erário da nação.
      Acirdem e mudem o rumo das coisas, ainda dá tempo…

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: