Skip to main content

FAVELINHAS DAS PRAIAS DO CARMO E MILAGRES DEVEM SER DESMONTADAS ATÉ HOJE

Após notificar os responsáveis pelas “edificações precárias” (no popular, favelas) construídas nas areias das praias do Carmo e dos Milagres, a Secretaria de Controle Urbano de Olinda deu um prazo até as 17h de hoje (15) para que as estruturas improvisadas de madeira e plástico sejam desmontadas. O comércio será permitido, mas terá que seguir normas como a limitação do número de mesas e cadeiras, além de não mais ser possível manter edificações fixas.

A fiscalização da prefeitura ocorreu após denúncia do Observatório de Olinda, na semana passada, quando foi mostrada a situação caótica da Praça João Pessoa, na Praia do Carmo (ao lado dos Correios), local de desembarque dos ônibus de turismo que chegam à cidade. As barracas infectas e improvisadas, além do “livre consumo” de maconha na área chocam os visitantes e são motivo de reclamações das empresas de turismo.

Por outro lado, a Prefeitura de Olinda promete intensificar a fiscalização para evitar as ocupações irregulares, que começam como pequenos pontos de comércio e depois se transformam em moradias. “A Secretaria Executiva de Controle Urbano informa que este tipo de iniciativa será rotineira em toda área litorânea de Olinda”, diz a nota da administração municipal.

Que assim seja!!!

Um comentário em “FAVELINHAS DAS PRAIAS DO CARMO E MILAGRES DEVEM SER DESMONTADAS ATÉ HOJE

  1. Nossos aplausos para essa importante e reguladora iniciativa da Prefeitura de Olinda! E parabéns também ao nosso ilustre prefeito professor Lupercio Carlos! São através de ações rápidas e eficazes que a população olindense perceberá que existe ORDEM na CASA. Que o progresso aliada à ordem social cresça nossa Marim dos Caetes e que juntos possamos nos ALEGRAR com um governo JUSTO e de OLHOS bem ABERTOS para os problemas de ORDEM SOCIAL. Que VENHA o PROGRESSO ou a PROGRESSO com mais turistas nis visitar e conhecer uma cidade limpa e organizada em vários aspectos.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto:

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/observatoriodeol/public_html/wp-includes/functions.php on line 4669