Skip to main content

FALOW & DISSE. “AGENTE RI, A GENTE CHORA” – Kildare Johnson

Senhoras e Senhores observadores, a semana foi repleta de notícias boas como o CRESCIMENTO da economia brasileira em R$ 1,842 trilhões no terceiro trimestre de 2019 e o PIB (Produto Interno Bruto) que é a soma de todos os produtos e bens produzidos no Brasil, CRESCEU 0,6% (Fonte: IBGE); Por 3 votos a dois a segunda turma do STF (Supremo Tribunal Federal) aceitou a denúncia apresentada, contra o AGENTE POLÍTICO, o Senador Renan Calheiros, pelo Ministério Público Federal (MPF), no âmbito da Operação Lava Jato, pelos CRIMES de Corrupção, e Lavagem de Capitais, levando, finalmente, o político alagoano ao Banco dos Réus (resta saber quando).

Mas tivemos notícias ruins, como a dos ministros do TCU (Tribunal de Contas da União) que decidiram liberar refeições com lagostas e vinhos importados para os ministros do STF, mas com uma ressalva, hein?: O CARDÁPIO SÓ PODERÁ SER SERVIDO COM A PRESENÇA DE AO MENOS “DUAS AUTORIDADES”, ahhhhhhhhhh…

Outra notícia ruim, ao menos para nós, mortais, foi o resultado da inflação oficial que atingiu o seu maior índice desde 2015, batendo 1,01%, segundo o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), divulgado pelo IBGE (Instituto Brasileiros de Geografia e Estatística). A alta se deu devido ao aumento da carne bovina, com a média de 8,09%, onde os APROVEITADORES se esbaldam, só que vão se lascar, porque o preço já está baixando e vai baixar ainda mais, aguardem!

Para contrabalançar, tivemos fatos dificílimos de “engolir”, mas que até foram engraçados, como por exemplo a fala da AGENTE POLÍTICA e Deputada Federal Joice Hasselmann, na CPI das FAKE NEWS, repleta de FAKE NEWS, como aquela dos 20 mil por cada “impulsionamento” de uma Hashtag, “DIO SANTO”! (com as pontas dos dedos juntas e balançando…)

A parlamentar afirmou que “consultou especialistas na área e identificou que um único impulsionamento artificial pode chegar a custar R$ 20 mil” (Fonte: Agência Senado). Mas teve outra mais “engraçada e trágica”, ao mesmo tempo, essa partiu do AGENTE POLÍTICO e Senador Flavio Bolsonaro que admitiu, na última quarta-feira, dia 04/12, que “não prestou atenção” (sic) na votação no Congresso sobre vetos à minirreforma eleitoral que permitiu o aumento do fundo eleitoral para 2020.


A proposta chegou a R$ 3,8 bilhões, enquanto o governo manteve a previsão de R$ 2 bilhões. Disse o Senador: “Eu me equivoquei sim nesse voto específico em relação ao fundo eleitoral. Foi uma falha minha, uma desatenção minha…” E completou: “O que eu posso fazer é me comprometer a jamais, eu, Flávio Bolsonaro, jamais vou usar recursos” (…)

Para completar o sr. Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados, disse que “o fundo eleitoral de 3,8 bilhões não afeta a saúde, nem a educação”. Hã?! Como assim? “OUXE”!

Enquanto alguns AGENTES “caçoam” de nós, estamos cada vez mais preocupados com a incerteza do que poderá advir após os julgados do STF, depois das votações no Congresso Nacional e as decisões que poderão sair do Planalto. Enquanto cada AGENTE político RI, A GENTE por aqui CHORA!

Kildare Johnson – Mediador Judicial – Árbitro – Jornalista e Palestrante Motivacional.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto:

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/observatoriodeol/public_html/wp-includes/functions.php on line 4469