Skip to main content

COMUNISTAS EXPULSAM VEREADOR POR INFIDELIDADE

O Partido Comunista do Brasil (PCdoB) expulsou sumariamente de seus quadros o vereador Márcio Barbosa, sob alegação de infidelidade partidária. O parlamentar não votou no candidato que o partido apresentou para concorrer à Presidência da Câmara, em 2017, (vereador Marcelo Soares), ajudando assim a construir a vitória do atual presidente da Casa e opositor dos vermelhos, Jorge Federal (PR).

A expulsão se deu por unanimidade, em reunião do comitê municipal do partido, realizada no último dia 07 de agosto. O PCdoB informou, via ofício assinado pelo presidente municipal, Luciano Moura, que o vereador descumpriu os artigos 39 e 40 do estatuto da agremiação.

Os comunas não engoliam Márcio Barbosa, há tempos, por seu comportamento “rebelde“. Além de ter sido “fundamental” para a derrota de seu colega de partido, Marcelo Soares, na eleição da Mesa Diretora 2017, Barbosa também descumpriu orientação dos comunistas para que seus membros se mantivessem neutros no segundo turno da eleição de 2016, não apoiando nem Antonio Campos (PSB), nem o Professor Lupércio (SD). Márcio Barbosa desobedeceu e apoiou Lupa.


DITADURA – Márcio Barbosa estava no PCdoB há 15 anos, entre tapas e beijos. Em seu discurso no plenário da Câmara afirmou ser vítima de perseguição. “Este partido não gosta de quem tem opinião contrária e sempre trabalhou para que eu perdesse o mandato. Defendi a política do PCdoB com Luciana e Renildo até mesmo em situações desfavoráveis, votando contra servidores etc. E é isso que eles fazem comigo”, disse em tom de decepção.

Em defesa do PCdoB o vereador e líder do partido Marcelo Soares afirmou que não foi cometida qualquer injustiça na expulsão de Márcio Barbosa. “O diretório agiu cumprindo todos os ritos e dando amplo direito de defesa ao vereador Márcio Barbosa. Não houve qualquer supressão de direitos. O PCdoB é uma instituição absolutamente democrática“, afirmou.

Um comentário em “COMUNISTAS EXPULSAM VEREADOR POR INFIDELIDADE

  1. Este vereador nunca teve compromisso com a seriedade da vida publica, sempre foi um autentico oportunista eleitoreiro. Ele foi expulso por não se adaptar aos compromissos partidários e esse discurso dele é infundado e desequilibrado, um verdadeiro fanfarrão! 😂😂😂

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: