Skip to main content

CHUVAS FAZEM DEFESA CIVIL ELEVAR GRAU DE ALERTA DE RISCO EM OLINDA

Devido as fortes chuvas que caem no Grande Recife desde a madrugada de hoje (13), a Defesa Civil de Olinda elevou o grau de alerta nas áreas de risco de deslizamento e nos locais com pontos de alagamento. O bairro de Aguazinha registrou o maior acúmulo de água das chuvas nas últimas 6 horas, com 121,96mm.

Bonsucesso (101,30mm), Cidade Tabajara (73,80mm) e Jardim Fragoso (63,38mm) foram os demais índices contabilizados, de acordo com dados da Apac. O volume acumulado é equivalente ao esperado para cerca de dez dias na cidade. A Defesa Civil de Olinda informa que foram registrados três movimentações de massa, mas que não afetaram imóveis.

Os casos foram na Rua da Jaqueira, em Caixa D’Água; Rua da Linhas e Rua Viena, ambas em Águas Compridas. Houve o tombamento de uma árvore na Rua Tupanatinga, em Cidade Tabajara. Já na Rua Doutor Antônio Valença, em Caixa D’Água, um muro não suportou o peso do lixo jogado irregularmente no local e tombou derrubando um poste. Máquinas da Prefeitura de Olinda removeram os entulhos e isolaram o local. Ninguém ficou ferido.


CORTE DE ÁRVORES – Três equipes de prevenção estão de prontidão nas áreas que concentram o maior número de pontos de risco: Caixa D’Água, Alto Conquista e Alto Sol Nascente/Alto Nova Olinda. Uma equipe de corte de árvores está a postos no bairro de Ouro Preto, de onde se deslocará em caso de incidentes com vegetação. Outras três equipes estão atuando na desobstrução de mini canais, com trabalhos manuais, nas localidades de Ilha de Santana, Cidade Tabajara e Águas Compridas.

Para auxiliar os trabalhos da Defesa Civil, a Secretaria de Infraestrutura de Olinda disponibilizou 90 homens, quatro retroescavadeiras e seis caminhões caçamba. A população pode entrar em contato com a Defesa Civil de Olinda no telefone 3429.9838 ou 99266.5307 (WhatsApp). O atendimento é de domingo a domingo, 24 horas por dia.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: