Skip to main content

ANTONIO CAMPOS RESSURGE EM OUTDOORS POR OLINDA

Quem é vivo sempre aparece, diz o ditado popular. Mesmo que seja a cada três anos, em época pré-eleitoral, como parece ser o caso do escritor Antonio Campos, que ressurgiu do mais absoluto nada espalhando dezenas de outdoors por Olinda a fim de supostamente promover o lançamento de um livro e um blog.

A estratégia do irmão do ex-governador Eduardo Campos é a mesma adotada em 2015, quando tentou se fazer conhecido na Marim dos Caetés por meio de outdoors. Inicialmente também anunciava um livro, mas depois se apresentou como candidato a prefeito, sendo derrotado pelo Professor Lupércio.

Coincidência ou não, quinta-feira (24) foi divulgada uma pesquisa do Instituto Opinião/Blog do Magno onde o escritor aparece em segundo lugar – atrás do prefeito Lupércio (39,4%) – com 14,4% das intenções de voto. O levantamento mostra também que num hipotético segundo turno entre Lupa e Tonca, o atual gestor seria reeleito com 44,4%, enquanto o neto de Arraes chegaria a 21,6%.

CALOTEIRO – Bem, se o senhor Antonio Campos estiver realmente pensando em ser candidato novamente por aqui, é bom tomar logo duas providências – além de transferir domicílio de Casa Forte para Olinda:

1) Começar a estudar a geografia da cidade para evitar cair em “pegadinhas” como a pergunta sobre o então inexistente posto de saúde do Beco da Marinete; e 2) Pagar os débitos que deixou “pendurados” com dezenas de trabalhadores contratados para a campanha de 2016, principalmente jornalistas.

Olinda não perdoa caloteiro.

PS. Para conhecimento: O Beco da Marinete agora tem posto de saúde.

Um comentário em “ANTONIO CAMPOS RESSURGE EM OUTDOORS POR OLINDA

  1. Mas meu amigo, caso o Posto de Saúde não tenha ao menos médicos para atender a população, dentre outros serviços básicos como uma simples aferição de pressão será o mesmo que não EXISTIR.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto:

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/observatoriodeol/public_html/wp-includes/functions.php on line 4469